onlinecasinosites -O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) reuniu nesta quarta-feira (20) toda a equipe ministerial

O Brasil voltou a onlinecasinosites -ter importância, diz Lula na última

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) reuniu nesta quarta-feira (20) toda a equipe ministerial para um balanço do primeiro ano de mandato. Ao falar aos integrantes do primeiro escalão do governo,ânciadizLulanaúonlinecasinosites - ele disse que "o Brasil voltou a ter importância" no cenário internacional, parabenizou e agradeceu a equipe, mas disse que o trabalho tem "defeitos que a gente tem que consertar".

Continua após publicidade

A abertura da reunião foi transmitida ao vivo pela comunicação oficial do governo e acompanhada de perto pela imprensa. Os tais "defeitos" foram discutidos na parte do encontro que ficou restrita a ministras e ministros.

Ao avaliar o primeiro ano de seu terceiro mandato à frente da presidência, Lula disse que o governo vive uma situação "muito boa", mas que "não é excepcional, pois nós sempre quisemos mais". Apesar disso, destacou resultados positivos, especialmente no cenário econômico.

"O que nós estamos colhendo hoje é um pouco daquilo que foi plantado. Para você ter uma boa governança, você precisa ter credibilidade, você precisa ter estabilidade: estabilidade política, estabilidade jurídica, estabilidade social, e você tem que ter uma coisa chamada 'previsibilidade'. A gente quer um país que tudo dê certo para todos", destacou, ressaltando a aprovação da reforma tributária.

Lula reforçou ainda a importância da "arte da negociação", destacando o papel de seus ministros e ministras e dos representantes do governo no Congresso Nacional. Ele garantiu que o objetivo é conversar com parlamentares de todas as vertentes ideológicas.

"Eu sempre fazia questão de dizer que no nosso governo a gente não conversa com 'Centrão', a gente conversa com partidos. A gente não pergunta de que partido é a pessoa: a gente leva a proposta, e em cima daquela proposta, a gente estabelece as conversações necessárias", disse, dando especial destaque ao trabalho do ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

No trecho da conversa que foi aberta à imprensa, Lula não perdeu a oportunidade de comparar sua maneira de governar com a do antecessor, Jair Bolsonaro (PL). O petista garantiu que vai manter a postura republicana e a disposição para o diálogo no próximo ano.

"A gente vai continuar no ano de 2024 com esse mesmo jeito de governar: conversando com todo mundo. Perde alguma coisa, ganha outra coisa, mas estabelecer como regra a capacidade conversa, a capacidade do diálogo. Pobre do governante que acha que pode trocar a mesa de diálogo por uma metralhadora, por um fuzil ou por um canhão. Quando se chega a essa tomada de posição, aí a ignorância venceu a inteligência", alfinetou.

Edição: Rebeca Cavalcante


Relacionadas

  • Pesquisa Quaest: Governo Lula é aprovado por 54% da população

  • Posse de Gonet indica que Lula busca construir consensos a partir do Judiciário, apontam especialistas

  • Lula sanciona lei que cria a Política Nacional de Direitos das Populações Atingidas por Barragens

BdF

  • Quem Somos

  • Parceiros

  • Publicidade

  • Contato

  • Newsletters

  • Política de Privacidade

Redes sociais:


Todos os conteúdos de produção exclusiva e de autoria editorial do Brasil de Fato podem ser reproduzidos, desde que não sejam alterados e que se deem os devidos créditos.

Visitantes, por favor deixem um comentário::

© 2024.sitemap